FECHAR
Faça login para acessar a Intranet
Empreendedorismo

Como iniciar seu próprio negócio

Artigo publicado em 08/01/20 por: Guilherme Aquino
Não perca mais tempo Contrate agora a melhor consultoria empresarial para o seu negócio.
Contrate a RPM agora mesmo.

A jornada do empreendedor é um caminho tortuoso. Muitos são os desafios que ele enfrenta durante sua carreira, incontáveis pensamentos rondam sua mente frequentemente e a batalha é quase ininterrupta. Muitos iniciam seu caminho no empreendedorismo por necessidade, isso quer dizer que começam seus trabalhos para suprir suas necessidades básicas de recursos; existem incontáveis notórios empreendedores que começaram assim, a exemplo de Howard Schultz, fundador da Starbucks.

Existem também aqueles que iniciam sua jornada no mundo do empreendedorismo pela oportunidade, isso quer dizer que enxergam uma possibilidade de trabalho e partem rumo a esse empreendimento, como é o caso de Alberto Saraiva, fundador do Habib’s. Seja por necessidade ou por oportunidade, a jornada que um empreendedor percorre é árdua e cheia de desafios, porém, com informação de qualidade, boas referências e um bom plano de negócios podemos amenizar os riscos e ampliar a possibilidade de sucesso. 

Antes de abrir as portas e antes de partir para a prática, precisamos descobrir em que área iremos iniciar os trabalhos, por exemplo: área da saúde, área de transportes, área de agricultura, área de turismo, ou seja, em que segmento de mercado iremos atuar; é interessante lembrar que alguns empreendedores iniciam seus projetos em mais de um segmento. Juntamente com essa informação elaboraremos que será feito, exemplo: prestação de serviços, venda de produto, revenda de produto etc. 

Após encontrar um ramo de atuação e como será realizado o trabalho, o empreendedor precisa montar o plano de estruturação do negócio. Nesse momento ele já sabe qual será seu ramo de atuação, porém ainda não sabe como necessariamente fará seu trabalho, como iniciar o projeto.

Elaboração de um plano de abertura empresarial. Uma das principais ferramentas para análise de abertura de um negócio é o CANVAS. Essa é uma ferramenta completa que lhe trará os segmentos a serem abordados da empresa e com isso analisar a viabilidade do negócio e todos os recursos necessários para o início das atividades.

O CANVAS vai envolver as esferas da empresa de forma estratégica antes que as coisas realmente comecem a funcionar, essas esferas são: Propostas de Valor e Produtos, Relacionamento Com Clientes, Segmentos de Clientes, Canais, Fontes de Receitas, Atividades Chave, Recursos Principais, Parcerias Principais e Estrutura de Custos. Após preencher todas essas áreas (o que geralmente leva um período de tempo considerável), teremos o CANVAS completo mas não finalizado. Muitos criam um plano perfeito mas não o colocam em prática, o que, convenhamos, não faz sentido algum. Logo, em sequência do CANVAS elaboramos o Plano de Ação, que consiste nas ações a serem realizadas para que as propostas oferecidas no CANVAS se tornem reais, e é crucial que se tenha uma planilha de custos para avaliar todos os recursos que serão necessários para a abertura do negócio.

Após ter os dados definidos de forma clara o projeto começa a tomar forma, temos a área de atuação, o valor que será oferecido e os recursos necessários para iniciar as atividades.  

Formalização. A formalização de sua empresa é fundamental para que você esteja sempre amparado pela lei e em dia com seu país. Abordaremos as formas de fazer um registro Pessoa Jurídica.

Microempreendedor individual (MEI) 

MEI (Microempreendedor Individual), para se tornar MEI, é necessário: 

  • Faturar no máximo R$ 81 mil por ano (em média R$ 6.750 por mês)
  • Não ter participação em outra empresa como sócio nem titular.
  • Ter até um empregado que receba salário mínimo.

O microempreendedor individual terá como despesas apenas o pagamento mensal do Simples Nacional. O profissional precisa também cumprir com o pagamento de tributos específicos, como o Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS-MEI), que garante direitos básicos, como auxílio-maternidade e aposentadoria. A abertura de um MEI é online e rápida, para isso acesse o Link: https://portalmeiempreendedor.org/

Microempresa (ME)

Empreendimento que tem receita bruta anual inferior ou igual a R$ 360 mil. É necessário nesse caso optar por uma das formas de tributação: Simples Nacional, Lucro Real ou Lucro Presumido, (Essas formas de tributação serão abordadas de forma específica em breve em outro artigo) e após isso fazer o registro em uma Junta Comercial.

Empresa de Pequeno Porte (EPP)

Nessa categoria o negócio pode ter um limite de faturamento anual de R$ 4,8 milhões. Da mesma forma que a ME, o titular de uma Empresa de Pequeno Porte deve formalizar o negócio em uma Junta Comercial, optando também por um dos regimes tributários (Simples Nacional, Lucro Real ou Lucro Presumido).

Empresa de médio a grande porte

Uma empresa de médio a grande porte é aquela que, diferente de uma ME e uma EPP, não tem limite de faturamento ou tem receita bruta anual acima de R$ 4,8 milhões. Por esse motivo, não pode optar pelo Simples Nacional.

A definição de como será registrada sua empresa assim como o seu enquadramento tributário exige a ajuda de um profissional especializado, e esse profissional é o contador. É de suma importância que se procure um bom contador, afinal, informação é fundamental para evitar prejuízos, penalidades e até inadimplência para com o setor público. Quanto maior for seu comprometimento com a informação maior serão os benefícios que você colherá ao escolher abrir um negócio.

Após desenvolver todo o processo de planejamento é natural que se sinta entusiasmado para abrir seu negócio e começar os trabalhos, porém o processo de abertura de um negócio é algo que deve ser feito com cautela, afinal, todos os que iniciam um negócio têm uma visão de que ele dará certo mas nem todos se preocupam como deveriam com os tramites legais, e isso pode custar o negócio.  

Ao final de todo o processo inicia-se a jornada como um empreendedor e os desafios irão acontecer diariamente, mas nunca deixe de sonhar com algo, nunca deixe de almejar o melhor para si, nós somos movidos pelos nossos sonhos e com as metas devidas e as informações coerentes, teremos grandes chances de colher os frutos de todo o trabalho. 

A RPM consultoria é uma empresa de que visa o crescimento de outras empresas com base na gestão e resultados. Conhecemos o valor de se tornar um bom empreendedor e acreditamos que a gestão pode mudar o mundo. 

Esse post foi útil para você? Deixe o seu comentário e a sua opinião sobre nossos posts através das redes sociais da RPM:

Facebook: http://fb.com/RpmConsultoria

Instagram: http://instagram.com/rpmconsultoria. 

Linkedin: https://www.linkedin.com/in/rpm-consultoria-empresarial 


A RPM Consultoria Empresarial é especialista em gerar resultados para seus clientes, transformando a realidade das empresas que atende. E 

desejamos cada vez mais sucesso e prosperidade para o seu empreendimento. 

Eu sou Guilherme Machado, atuo como Consultor Júnior e sou  

apaixonado por Administração, Gestão e conteúdo de qualidade.

Contato: (35) 3413-7000

rpmconsultoriaempresarial.com.br

Grande abraço caro(a) leitor e amigo(a).